Loja virtual

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Porque Comemorar com Champagne?

Porque comemorar o ano novo com espumantes? De onde vem esta tradição?

Para chegar nesta resposta, vamos voltar no tempo, pelo menos  1.500 anos. Ela envolve uma mistura de história, localização e... Marketing!

No final século quinto, o rei Clóvis, monarca do norte da França, estava lutando para defender o seu território. A lenda diz que ele prometeu a sua esposa Clotilde (princesa da Borgonha) que, caso ganhasse sua próxima batalha, ele iria se converter ao cristianismo. Ele ganhou, e no ano 496, ele foi batizado em uma igreja na cidade de Reims, no coração da região de Champagne da França.

Depois disto, durante séculos, os reis de França foram coroados em Reims, na grande catedral construída lá. Como o transporte era muito primitivo, a corte permanecia na região por uns dias e aproveitava para desfrutar dos vinhos locais.

De início o Champagne era facilmente vendido à nobreza. Mas com o surgimento da industrialização no século XIX, os nobres já não estavam mais entre os consumidores mais ricos. Produtores de champanhe saíram então em busca de novos consumidores. Claro, esses novos clientes não tinham dinheiro para beber champanhe todos os dias, mas eles poderiam pagá-lo em ocasiões especiais. Com o tempo, passaram a requisitá-lo para todas as celebrações. 

Champanhe tornou-se item indispensável em festas, de casamentos à batizados de navios (caso não houvesse padre, poderia ser usada a água sagrada de Champagne) e à comemorações de passagem de ano.

As comemorações de ano novo provavelmente se originaram há milênios como cerimônias religiosas, parte dos rituais de solstício. Os pagãos faziam oferendas aos seus deuses com hidromel ou vinho. 

Ao longo dos séculos que se seguiram, como a comemoração de ano novo evoluiu de uma festividade religiosa para algo secular, o conceito de uma bebida fina o suficiente para os deuses entrelaçou-se com a reputação do champanhe como uma extravagância comemorativa. E é essa reputação o que os comerciantes de champanhe passaram a oferecer.

O Champanhe simboliza a alegria e a santidade da ocasião. O próprio ritual de se abrir uma garrafa de champanhe por si só já é um acontecimento.


Por isso vamos aproveitar! Tim Tim e um FELIZ 2015!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...