Loja virtual

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Garrafas

Durante muito tempo, devido ao custo de produção e a fragilidade, o vidro esteve apenas ao alcance das classes mais altas da sociedade.  

Foi somente no sec. XVII que o uso das garrafas espalhou-se pela Europa. No sec. XIX apareceram as garrafas com formatos que caracterizavam a região de origem, como a garrafa flauta típica da região do Reno, as garrafas fiasco revestidas em palha de Chianti assim como as garrafas da Borgonha, Bordeaux, Champanhe entre outras.

Algumas engarrafadoras chegaram a desenvolver garrafas com design diferenciado para seus vinhos, procurando uma forma de diferenciá-los dos demais nas prateleiras nas lojas. Uma vez que os vinhos de mesa são normalmente engarrafados em formas estandardizadas por motivos econômicos.

Hoje, além de garrafas de design exclusivo também são encontradas opções de tamanhos diferenciados. Os volumes mais tradicionais são 375ml (1/2 garrafa) e 750ml. Mas são os maiores que acabam chamando mais atenção e são difíceis de resistir quando se pensa em comprar um vinho de guarda ou num presente de impacto.

Curiosidade - todas as garrafas maiores tem nomes bíblicos, são elas:

- Jeroboam – 3 litros, correspondente a 4 garrafas de 750ml
- Matusalém - 6 litros, correspondente a 8 garrafas de 750ml
- Salmanazar – 9 litros, correspondente a 12 garrafas de 750ml
- Baltazar – 12 litros, correspondente a 16 garrafas de 750ml
- Nabucodonosor – 15 litros, correspondente a 20 garrafas de 750ml

Para aqueles que não resistem a uma garrafa diferente, siga o link: http://loja.casadovinho.com.br/departamento/194/tamanhos-especiais



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...